Masc_kyto - Artigo de Opinião - Finanças do LeixõesSC

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Masc_kyto - Artigo de Opinião - Finanças do LeixõesSC

Mensagem por m@sc em Seg 27 Jun 2011 - 22:31

No seguimento da iniciativa lançada pelo fórum, vou emitir o meu primeiro artigo de opinião.

Este artigo incide sobre as finanças do clube, nomeadamente as receitas. Pretendo demonstrar através de A+B a minha ideia para a sustentabilidade do clube.


Começaremos pelas receitas provenientes das cotas de associados. Penso que a valor de cota que melhor se adapta ao nosso clube e ao actual momento será 5€/mês. 2,5 €/ mês para menores de idade e reformados. Acho que através de uma forte aposta no marketing, assim como na imagem do clube conseguiremos ter 5000 sócios pagantes, considerando 2000 menores ou reformados, teremos uma receita mensal de 18.750 €, o que significará 225.000 €/ano.

Seguindo para as receitas de bilheteira, julgo que o nosso clube tem capacidade para apresentar uma assistência média de 2500 espectadores por jogo. Considerando o preço de venda do bilhete a 5€ e os cerca de 18 jogos em casa (Liga+Taça+Taça da Liga), conseguiremos obter de receita outros 225.000 €/ano.


E já vamos em 450.000 € numa época.

Partiremos agora para os direitos televisivos. Parto do principio que apenas 1/3 dos nossos jogos serão televisionados. Considerando que apenas metade desses serão em casa, pode-se considerar que teremos 5 jogos em casa a passar na TV. Supondo que os nossos jogos terão uma assistência televisiva de 10.000 telespectadores (provavelmente será maior), dará um total de 50.000 pessoas a ver os nossos jogos durante uma época. Parece-me justo pedir 2.5 € por cada pessoa a ver os nossos jogos pela televisão. Isso dará um contrato de 125.000 €/ano de direitos Televisivos.


Perfazendo até agora 575.000 € de receita por época.


Temos ainda que contar com a Loja do Mar e o Bar do Estádio. Vou supor que conseguimos nestes 2 estabelecimentos meter em caixa uma média de 1000 €/mês. Isto dá-nos 12.000 € / ano.


Cada vez mais estão na moda as academias para os miúdos e o Leixões terá que entrar por esse caminho. Considero possível conseguir fazer 4 "turmas" de 20 crianças, o que dará um total de 100 crianças. Considerando que estas crianças pagam todos os anos 50€ de inscrição e uma mensalidade de 20€ temos de receita 25.000 €/Ano, (considerando que os miúdos jogam apenas 10 meses por ano),


Assim sendo, temos até ao momento 612.000 € / Ano em receitas.


Agora chega a altura dos patrocínios. Este parâmetro irei dividir em 4 tipos de patrocínio.


Primeiro o patrocínio tipo 1, o patrocínio colocado à frente na camisola, neste caso a Cepsa. Vamos fazer o seguinte raciocínio. Considerando que temos 1/3 dos jogos televisionados e que esses jogos serão vistos por 10.000 pessoas, teremos um total de 100.000 pessoas a ver os nossos jogos pela televisão. Considerando ainda que fazemos 15 jogos em casa com uma assistência média de 2500 pessoas e 15 jogos fora com uma assistência média de 1000 pessoas (valor especulativo) teremos que considerar mais 52.500 pessoas a assistir aos nossos jogos nos estádios, o que dá um total
de 152.500 pessoas a ver o Leixões durante 1 ano. Será pedir muito ao patrocinador 2,5€ por cada pessoa à qual será feita patrocínio da marca? Parece-me um valor perfeitamente real. Assim sendo teremos uma receita de 381.250 € ano deste patrocinador.


Agora iremos pensar no patrocínio tipo 2, estes patrocínios serão os que estarão na parte superior das costas dos jogadores assim como nos calções. Considerando que estes patrocínios serão vistos pelo mesmo número de pessoas que o patrocínio tipo 1, parece-me justo a este patrocinador solicitar apenas 1,50 € por pessoa, o que dará 228.750 € / ano. Para este tipo de patrocínio poderemos ter 2 patrocinadores, assim sendo teremos de receita 457.500 € /ano.


Agora seguem-se os patrocinadores tipo 3. Estes serão os que patrocinam as bancadas. Ora estes apenas terão reflexo nos jogos em casa. Em casa teremos 15*2500= 37.500 espectadores, a somar aos 50.000 telespectadores que irão ver os 5 jogos televisionados numa época. Tendo em conta que estes patrocínios terão menos visibilidade que os patrocínios do equipamento, parece-me justo pedir 1 € /pessoa, o que dará 87.500 € /Ano. Considerando que temos 2 bancadas, este patrocínio poderá chegar aos 131.250 €/Ano.


Por fim temos os patrocinadores tipo 4, que serão todos os interessados em ter pequenos painéis de publicidade ao redor do estádio. Considerando que estes terão visibilidade que os patrocínios tipo 3, ou seja, apenas nos jogos em casa, teremos que considerar 87.500 pessoas. Para estes patrocinadores, tendo em conta que mercado-alvo será o pequeno comércio, penso que 0,03 €/ Pessoa (3 cêntimos por pessoa) é um preço justo. Isto traduz-se em 2,625 € /Ano o que é pouco mais de 200€/mês. Penso que não será difícil conseguir atrair cerca de 25 patrocinadores deste tipo que dará em receita 65.625 € / ano.


Então poderemos comente em patrocínios obter de receita um total de 1.145.000 €/ Ano.

Teremos ainda de ter em conta ainda as possíveis receitas realizadas com a venda de activos (leia-se jogadores de futebol). Penso que o Leixões deveria realizar cerca de 150.000 € / Ano em transferências de jogadores.


Chegamos a um total de 1.907.000 € /ano. O que poderá traduzir-se num orçamento anual de 2 Milhões de euros, sem ter em conta outros financiamentos.

Quanto às despesas, não tenho o mínimo conhecimento dos encargos do Leixões.

Isto é apenas a minha visão do mercado, pode estar muito afastada do real e ser utópico, eu penso que não… deixem os vossos comentários!

_________________
Há mais marés, que marinheiros...
avatar
m@sc
Moderador
Moderador

Número de Mensagens : 1744
Idade : 31
Localização : Senhora da Hora

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Masc_kyto - Artigo de Opinião - Finanças do LeixõesSC

Mensagem por Urko em Ter 28 Jun 2011 - 9:07

Masc, vamos tomar do principio que o teu raciocinio está correcto e que as receitas do Leixões anuais são 2 Milhões de euros. O orçamento que falavas é o orçamento anual para o Leixões Sport Clube, orçamento da SAD ou dos dois juntos? Digo isto porque se de facto as receitas forem na ordem dos 2M anuais realmente não podemos ter um orçamento grande para a equipa de Futebol, pois desses 2M, para alem do futebol, temos as modalidades amadoras e todas as classes jovens que nelas praticam desporto e todos os funcionarios do LSC, Voleibol, Natação, Bilhar. Tambem não sei o orçamento para as despesas mas se dos 2M metade são para sustentar o LSC a SAD tem 1M de euros de orçamento para a epoca inteira, o que não é muito visto a honra ser uma divisão muito competitiva. Neste cenario não inclui as dividas que temos estado a pagar e o passivo que tem vindo a diminuir, porque se fosse incluido estes dois factores iriamos constatar que realmente o Universo Leixões está a viver mesmo no limite das suas necessidades e por vezes abaixo delas e assim todos entendemos os problemas de tesouraria que existem todos os anos.
avatar
Urko
Catedrático
Catedrático

Número de Mensagens : 5147

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo


 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum